Notícias

17h33

O que pode causar dor lombar? Médico esclarece dúvidas

Compartilhe
Tamanho do Texto
O que pode causar dor lombar? Médico esclarece dúvidas

De acordo com a Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, a dor lombar, também conhecida como lombalgia, ocorre na parte inferior da coluna vertebral e está entre as dores mais comuns entre homens e mulheres nas diferentes fases da vida.

Em entrevista com Dr. Rogério Vargas (CRM 27725), médico cirurgião e membro da Sociedade Brasileira de Coluna, dentre os principais fatores de risco para a doença estão o sedentarismo; tabagismo; idade; obesidade; ansiedade; depressão; insatisfação laboral e trabalhos físicos pesados – movimentos repetitivos de flexão, rotação e levantamento de peso.

O médico também ressalta que qualquer tipo de estresse ou algum fator que leve a ansiedade ou depressão, pode desencadear a lombalgia. “Os fatores psicossociais podem ser desde o estresse gerado pela desmotivação no trabalho até a depressão”, informa Dr. Rogério.

O que pode causar a dor lombar?

Existem inúmeras causas diferentes para a dor. O especialista esclarece que podem ser de etiologia: Mecânicas; Degenerativas; Inflamatórias; Neoplásicas; Metabólicas; Infecciosas; Viscerais; Musculoesqueléticas e Psíquicas. “A mecânica, por exemplo, é quando o paciente por algum motivo tem uma malformação da vertebra ou quando ela tem uma deformidade adquirida como escoliose, o escorregamento de uma vertebra sobre a outra, ou sofreu algum trauma ou uma distensão da musculatura”, elucida Dr. Rogério.

Qual a diferença entre dor lombar aguda, subaguda e crônica?

A dor lombar é frequentemente classificada e tratada com base na duração dos sintomas:

Aguda (< 4 semanas)

Subaguda (4-12 semanas)

Crônica (> 3-6 meses)

Para identificar o desconforto na lombar, o médico sinaliza: “A dor fica localizada na região inferior da coluna vertebral, logo acima dos glúteos, associado de um bom exame físico do paciente para identificar a sua causa”. Além disso, existe diferença entre lombalgia e lombociatalgia. “Uma é dor em região lombar, e a outra é dor em região lombar e no trajeto do nervo ciático, respectivamente”.

Exames de Imagem fundamentais para o diagnóstico

O Diretor Técnico da Divisão de Imagem do Labchecap, Dr. Lucas da Gama Lobo (CRM 16202) informa em entrevista, quais os exames de imagem e suas especificações para o diagnóstico de dor lombar. “A radiografia da coluna lombar é geralmente o primeiro exame a ser solicitado, sendo capaz de detectar fraturas e outras alterações ósseas relacionadas com o envelhecimento, chamadas de espondilodiscoartrose. A tomografia computadorizada possui maior detalhe que a radiografia sendo importante na avaliação das fraturas, desvios da coluna e na detecção de complicações pós-operatórias. Assim como a radiografia tem limitações na avaliação de hérnias e de outras alterações de partes moles.

A ressonância magnética é um método que não utiliza a radiação ionizante, sendo na maioria das vezes o exame de escolha pela sua capacidade de avaliação das alterações de partes moles como por exemplo; hérnias e ósseas. Indivíduos portadores de marcapasso devem consultar o seu cardiologista antes de realizar o exame de ressonância magnética, visto que o campo magnético pode interferir no funcionamento do marcapasso”.

Tratamento para dor lombar

Dr. Rogério Vargas recomenda repouso de 2 a 3 dias, medicamentos (anti-inflamatórios, analgésicos, antidepressivos), reabilitação e em alguns casos, cirurgia. “A qualquer indício dos sintomas, o ideal é que o paciente procure um médico para investigar a causa e recomendar o tratamento adequado”, informa.

O médico finaliza com dados importantes “Dor lombar é a primeira causa de incapacidade para o trabalho em pessoas com menos de 45 anos, segundo motivo mais frequente de consulta médica. 85% das pessoas terão lombalgia em alguma fase da vida, alguns sinais de alerta são: dor noturna; febre; emagrecimento; história de doença neoplásica; perda injustificável do peso”, finaliza.

Siga o Labchecap nas redes sociais
Deseja marcar seus exames e/ou vacinas?
Clique no botão ao lado.
Certificações e Acreditações
Controllab
Controllab
PNCQ
PNCQ
PALC
PALC
Sistema Nacional de Acreditação DICQ
Sistema Nacional de Acreditação DICQ
ISO 9001
ISO 9001
Call center
Salvador e região metropolitana: 71 3345.8200
Segunda à sexta 6:30h às 19h.
Sábado 6:30h às 17h
Feira de Santana e Alagoinhas 4020.8880
Segunda à sexta 6:30h às 19h.
Sábado 6:30h às 17h
Call center domiciliar: 71 3345.8200
Segunda à sexta 6:30h às 17h.
Sábado 6:30h às 16h.
Fundador e Diretor Técnico Laboratorial : Dr. Josemar Fonseca - CRF 1290.
Diretora Técnica SEIMI: Dra. Ceuci Nunes - CREMEB 8876.
Diretor Técnico Imagem: Dr. Lucas da Gama Lobo - CRM 16202.
Diretora Operacional : Dra. Vanda Regina de Oliveira Baqueiro - CRF 1987
2021. Labchecap. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte a nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Google Fonts
Necessário
Google Maps
Necessário

Os plugins são usados ​​para rastrear visitantes em websites. A intenção é exibir anúncios relevantes e atraentes para o usuário individual e, portanto, mais valiosos para editores e anunciantes terceirizados.

Bloquear / Ativar
Facebook Pixel
Recomendado